REPOSITORIO PUCSP Teses e Dissertações dos Programas de Pós-Graduação da PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/3895
Tipo: Tese
Título: Karl Marx: a determinação ontonegativa originária do valor
Autor(es): Cotrim, Ivan
Primeiro Orientador: Chaia, Miguel Wady
Resumo: Procuramos demonstrar que Marx descobre a determinação ontonegativa do valor no período originário de sua crítica à economia política. Sua análise crítica atinge diretamente a propriedade privada, a divisão do trabalho, o trabalho assalariado; categorias, todas elas, que assumem a forma de valor. A reprodução destas condições obriga à manutenção da contradição de classe, bem como do estranhamento e da alienação. Mostramos que, em posição radicalmente oposta à de Marx, a economia política, em sua trajetória de um século e meio, culminada com Smith e Ricardo, tomou o valor como positividade. Enquanto a determinação ontonegativa do valor, por Marx, indica a exterioridade deste em relação à essencialidade humana, a economia política, ao defender a positividade do valor, aceita-o como forma de ser intrínseca aos indivíduos, mas ao preço de não reconhecer a alienação e o estranhamento que lhe correspondem. A base de sustentação da economia política remonta às concepções do homem que lhe atribuem qualidades inatas seja o estado de natureza, sejam os sentimentos morais e o agir econômico. Com Marx, ao contrário, os homens se autoconstroem por meio de sua atividade prática, produzindo seu mundo objetivo e sua subjetividade
Abstract: Our purpose with this work is to demonstrate that Marx s discovery of the ontologically negative determination of value takes place back in his earliest critique on political economy. Marx s critical analysis aims directly at private property, labor division, and wage labor: all forms that express themselves in value. The reproduction of these conditions leads necessarily to preservation of class opposition, as well as estrangement and alienation. We showed that political economy, whose position is radically opposed to Marx s, assumes value as a positive determination along its one hundred and fifty years trajectory culminating in Smith and Ricardo. While the ontologically negative determination of value, set by Marx, takes value as alien to human essentiality, political economy, by advocating the positive character of value, assumes it as a form of being inherent to individuals, though paying the price of not recognizing alienation and estrangement which correspond to it. The foundations of political economy traces back to conceptions that assign innate features to human being: either state of nature or moral sentiments and economical acting. On the contrary, in Marx s view men are selfconstructed through their practical activity, producing both their objective world and subjectivity
Palavras-chave: Karl Marx
Marx, Karl -- 1818-1883
Economia
Economia marxista
Valor
CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS
Idioma: por
País: BR
Editor: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da Instituição: PUC-SP
metadata.dc.publisher.department: Ciências Sociais
metadata.dc.publisher.program: Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais
Citação: Cotrim, Ivan. Karl Marx: a determinação ontonegativa originária do valor. 2008. 330 f. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2008.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/3895
Data do documento: 28-Abr-2008
Aparece nas coleções:Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Ivan Cotrim.pdf2,37 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.