REPOSITORIO PUCSP Teses e Dissertações dos Programas de Pós-Graduação da PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Currículo
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/9928
Tipo: Dissertação
Título: A Alfabetização Emergente na Educação Infantil e no 1º Ciclo do Ensino Básico em Moçambique
Autor(es): Inruma, Juvenal Maricane M.
Primeiro Orientador: Casali, Alipio
Resumo: A génese deste estudo parte das dificuldades de aprendizagem da leitura e escrita na escola, a sua relação com as formas de aquisição da linguagem oral nas famílias. Portanto, o objecto deste estudo é a Alfabetização Emergente (AE) e a sua relação entre a linguagem oral e a aprendizagem da leitura e escrita. Sendo assim, o objectivo geral consistiu em reflectir sobre o processo da AE na Educação Infantil (EI) e no 1º ciclo do Ensino Básico (EB) em Moçambique. O estudo poderá contribuir para alertar os planificadores curriculares e os professores para a necessidade de incentivarem o desenvolvimento da oralidade para que esta constitua uma habilidade, efectivamente, útil da leitura e da escrita. Teoricamente o trabalho poderá contribuir para a análise e proposta de formas do uso da linguagem oral como recurso valioso para desenvolver eficazmente, a leitura e a escrita nas fases iniciais da escolarização. Para tal foram base da nossa revisão teórica, autores como, PIAGET (1982); TEALE /SULZBY (1992); VYGOTSKY (1999); FERREIRO (2001) e TEBEROSKY & COLOMER (2003). Trata-se de uma investigação qualitativa de carácter fenomenológico cuja pesquisa de campo ocorreu em dois momentos: 1) no primeiro momento efectuou-se um micro-estudo exploratório, conduzido através das técnicas de entrevista e da observação. Este momento enfatizou a existência de recursos orais nas famílias das crianças do 1º ciclo do EB; 2) o segundo momento consistiu num estudo documental, através da análise dos Programas e Manuais da Educação Infantil e do ensino monolíngue do 1º ciclo do Ensino Básico. Na presente dissertação concluímos que na Educação Infantil os Programas e os Manuais não orientam para o desenvolvimento de actividades específicas da oralidade, tendo em conta as diferentes áreas de desenvolvimento da criança. Os Programas do 1º ciclo do EB (1ª e 2ª classes) encontram-se desarticulados em relação aos Manuais no que concerne ao recurso da oralidade para a aprendizagem da leitura e da escrita. A dissertação estrutura-se em três capítulos, antecedidos por uma introdução e por fim, estão a conclusão e sugestões, os apêndices, os anexos e a referência bibliográfica. O 1º capítulo trata do micro-estudo-exploratório; o 2º capítulo faz uma revisão teórica sobre a alfabetização emergente e o 3º capítulo faz uma descrição e análise sobre a EI e o 1º ciclo do EB.
Abstract: This study results from the learning difficulties in reading and writing at school, its relationship with the oral language acquisition process in families. The object of this study, therefore, is Emergent Literacy (EL) and its relationship between oral language and the learning of reading and writing. Thus, the aim was to reflect on the Emergent Literacy process in the Nursery School Educatio n (NSE) and in the first cycle of the Lower Primary School in Mozambique. The study will give awareness to curriculum planners and teachers to develop oral language as a useful ability for reading and writing. Theoretically, the work will contribute to ana lyze and propose the forms of oral language as an invaluable tool to effectively and efficiently foster reading and writing in the first stages of schooling. Refer to PIAGET (1982); TEALE and SULZBY (1992); VYGOTSKY (1999); FERREIRO (2001) and TEBEROSKY and COLOMER (2003). This research is qualitative with a phenomenal character which was carried out in two stages: 1) first, an exploratory micro-study was done based on the interview and observation. This stage gave evidence on the existence of oral resources in the Lower Primary School Children s families; 2) the second stage involved a documental study consisting of analyzing Syllabi and Handbooks of the Nursery School Education and Monolingual Handbooks of the Lower Primary School. This dissertation concludes that in the Nursery School Education, both the Syllabi and the handbooks do not lead children to develop specific oral activities bearing in mind the different developmental stages of the child. The Lower Primary School Syllabi (1st and 2nd grades) are unrelated to the handbooks as regards the oral resource for learning reading and writing. This dissertation is in three chapters anticipated by an introduction and at the end are the conclusion, suggestions, appendices, annexes and references. Chapter 1 is about the exploratory micro-study; Chapter 2 reviews the theoretical framework of emergent literacy and Chapter 3 describes and analyzes EL and the 1st Cycle of the Lower Primary School
Palavras-chave: Currículo
Moçambique
Macua
família
alfabetização emergente
linguagem oral
leitura e escrita
Curriculum
Mozambique
Macua
Family
Emergent Literacy
Oral Language
Reading and Writing
Alfabetizacao -- Mocambique
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Editor: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da Instituição: PUC-SP
metadata.dc.publisher.department: Educação
metadata.dc.publisher.program: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Currículo
Citação: Inruma, Juvenal Maricane M.. A Alfabetização Emergente na Educação Infantil e no 1º Ciclo do Ensino Básico em Moçambique. 2006. 164 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2006.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/9928
Data do documento: 25-Jul-2006
Aparece nas coleções:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Currículo

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Juvenal Maricane M Inruma.pdf801,41 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.