REPOSITORIO PUCSP Teses e Dissertações dos Programas de Pós-Graduação da PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/5149
Tipo: Tese
Título: Qualidade na televisão
Título(s) alternativo(s): Quality in television
Autor(es): Medeiros, Sônia Maria Guedes de
Primeiro Orientador: Prado, José Luiz Aidar
Resumo:  Qualidade na Televisão , pesquisa elaborada a partir da problematização dos modos pelos quais a mídia constrói valores, tem como objetivo geral examinar o fluxo televisual durante uma semana, utilizando o mapa semiótico para identificar e posicionar os produtos culturais que, em sua diversidade, são semiotizados e circulados com valores do consumo ligados a contratos específicos de comunicação. Os objetivos específicos estão estruturados em torno de quatro pontos: fazer uma leitura dos sete conceitos sobre qualidade na televisão em Mulgan; classificar, por gênero, o fluxo da programação de sete emissoras Bandeirantes, Cultura, Gazeta, Globo, Record, Rede TV! e SBT no período de 07 a 13.02.06; posicionar os programas em mapas semióticos; examinar os sete mapas semióticos dos valores do consumo em relação aos sete conceitos de qualidade, apontando a diversidade na programação. A pesquisa está fundamentada na semiótica como base teórico-metodológica, na teoria da televisão e em teorias críticas. A tese é constituída de quatro partes, conforme os objetivos específicos acima citados. O primeiro capítulo Em busca da qualidade está fundamentado em Geoff Mulgan e Arlindo Machado; o segundo Fluxo Televisual fundamenta-se em Raymond Williams; no terceiro, Construção e circulação dos valores do consumo , apropriamo-nos da estrutura do mapa semiótico de Jean-Marie Floch e Andrea Semprini, como ferramenta utilizada para examinar o fluxo televisual; a conclusão traz resultados da análise sobre aspectos da qualidade em Mulgan e dos valores do consumo no fluxo televisual, defendendo a autora a idéia de que qualidade na televisão não se resume a apenas um conceito, além de não se traduzir em resultados técnicos, nem apenas em inovações tecnológicas. Trata-se, de modo mais amplo, na implicação de um processo social, que parte da produção de uma equipe de especialistas e chega na interpretação do enunciatário que procura sair da passividade e, num processo dinâmico, num movimento espiralado da audiência, não apenas procura denunciar falhas e baixarias da enunciação, mas, promover o contexto de recepção, compreender a diversidade da mídia televisual no contexto capitalista contemporâneo. Entre outros autores que contribuem para a discussão estão: Jean Baudrillard, Muniz Sodré, Krishan Kumar e Anthony Giddens
Abstract: The general objective of Quality in Television , a research based on the problematization of the ways whereby the media builds values, is to examine the television broadcasting flow throughout a week. A semiotic map is used to identify and position the cultural products which, in their diversity, are semiotized and circulated with consumption values connected to specific communication contracts. The specific objectives are structured around four points: reading of the seven concepts of quality in television by Mulgan; classification, by genre, of the programming flow of seven broadcasting companies Bandeirantes, Cultura, Gazeta, Globo, Record, Rede TV! and SBT from February 7 to 12, 2006; positioning of the programs on semiotic maps; and examination of the seven semiotic maps of consumption values with respect to the seven concepts of quality, indicating diversity in programming. The research is based on semiotics as the theoretical-methodological basis, on television theory and on critical theory. The thesis consists of four parts, according to the aforementioned specific objectives. The first chapter, Searching for Quality , is based on Geoff Mulgan and Arlindo Machado. The second chapter, Televisual Flow , is based on Raymond Williams. The third, Construction and circulation of consumption values , taken from the structure of Jean-Marie Floch and Andrea Semprini s semiotic map, is used as a tool to examine the televisual flow. The conclusion, discusses the results of an analysis of aspects of quality considered by Mulgan and of values of consumption in the televisual flow, here, the author argues that quality in television is not merely a concept, nor is it translated into technical results or technological innovations. From a broader standpoint, it implies a complex social process, starting from the production of a professional team to its interpretation by the spectator. The latter, seeking to shake off his passiveness in a dynamic process, a spiraling movement of the audience, not only attempts to denounce faults and squalidness but also to promote the context of reception and understand the diversity of television media in the contemporary context of capitalism. The authors that contribute to this discussion include Jean Baudrillard, Muniz Sodré, Krishan Kumar and Anthony Giddens
Palavras-chave: Semiótica
Fluxo televisual
Valores do consumo
Qualidade na televisão
Semiotics
Televisual flow
Consumption values
Quality in television
Televisao -- Programas -- Controle de qualidade
Televisao -- Semiotica
Consumo (Economia)
CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO
Idioma: por
País: BR
Editor: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da Instituição: PUC-SP
metadata.dc.publisher.department: Comunicação
metadata.dc.publisher.program: Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica
Citação: Medeiros, Sônia Maria Guedes de. Quality in television. 2008. 275 f. Tese (Doutorado em Comunicação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2008.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/5149
Data do documento: 2-Dez-2008
Aparece nas coleções:Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Sonia Maria Guedes de Medeiros.pdf4,04 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.