REPOSITORIO PUCSP Teses e Dissertações dos Programas de Pós-Graduação da PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/3889
Tipo: Tese
Título: Nacionalismo e dependência: empresários e burocratas estatais na definição da política de desenvolvimento da segunda metade dos anos 50
Autor(es): Almeida, Lúcio Flávio Rodrigues de
Primeiro Orientador: Almeida, Lúcio Flávio Rodrigues de
Resumo: O núcleo das preocupações teóricas desta tese é a relação entre lutas político-ideológicas no interior do bloco no poder e a definição de políticas estatais. Procuro examinar como se imbricaram a ideologia nacional-populista e a política de desenvolvimento, em novos termos, do capitalismo, no Brasil, durante a segunda metade dos anos 50. Nesta tentativa, me contraponho a algumas vertentes de análise. Contrariamente às que abordam o nacionalismo populista como homogêneo, adoto a perspectiva de que esta ideologia apresentou aspectos de continuidade e de ruptura ao longo do período 1930-64 e, em cada uma de suas fases, sofreu diferentes apropriações sociais. Ao examinar como se constituiu uma configuração específica do nacional populismo, a qual tenho chamado de "nacionalismo triunfante", distancio-me das teses que opõem o nacionalismo ao desenvolvimentismo do governo JK. Enfim, assumindo formulações teóricas que consideram a ideologia nacional estruturalmente burguesa, embora com apropriações sociais contraditórias, critico as teses que tendem a identificar nacionalismo e antiimperialismo. Nos dois primeiros capítulos examino a contra-ofensiva nacionalista em um momento político que parecia inteiramente desfavorável. O terceiro é dedicado a uma espécie de "desvio de rota" do processo de reconfiguração do nacional populismo: a Frente de Novembro. No quarto capítulo, investigo como a questão cambial se tornou um ponto de condensação dos conflitos no interior do bloco no poder e o papel que neles jogou o nacionalismo. No quinto, a complexa imbricação entre repressão e ideologia na tessitura do "nacionalismo triunfante". No sexto, um momento de auge e prenúncio de esgotamento desta configuração ideológica: a "ruptura" do governo JK com o FMI
Palavras-chave: Capitalismo - Brasil
Nacionalismo - Brasil
Ideologia
Nacionalismo e democracia
Nacionalismo populista
Politicas estatais
CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS
Idioma: por
País: BR
Editor: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da Instituição: PUC-SP
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Ciências Sociais
metadata.dc.publisher.program: Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais
Citação: Almeida, Lúcio Flávio Rodrigues de. Nacionalismo e dependência: empresários e burocratas estatais na definição da política de desenvolvimento da segunda metade dos anos 50. 2001. 385 f. Tese (Livre docência em Política) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2001.
Tipo de Acesso: Acesso Restrito
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/3889
Data do documento: 30-Jan-2001
Aparece nas coleções:Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Lucio Flavio Rodrigues de Almeida.pdf
  Restricted Access
46,7 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.