REPOSITORIO PUCSP Teses e Dissertações dos Programas de Pós-Graduação da PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Currículo
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/23863
Tipo: Dissertação
Título: As juventudes e o currículo escolar: maior acolhimento para melhor formação
Título(s) alternativo(s): Youth and the school curriculum: greater acceptance for better education
Autor(es): Carbogim, Rodrigo Lopes
Primeiro Orientador: Ponce, Branca Jurema
Resumo: As Juventudes possuem uma multiplicidade de representações e perspectivas que historicamente construídas, transcendem o cotidiano das relações e vivências. Por serem marcadas pelas diversidades de condições, caracterizam-se para além das meras tipificações etárias, ou até mesmo pela função que exercem perante os padrões sociais. O modo de ser jovem é único. São muitas as suas visões de mundo. Não se limitam a algo condicionado socialmente, por isso, Juventudes no plural. Os sujeitos desta dissertação são as Juventudes urbanas de 15 a 17 anos que frequentam o sistema público de educação brasileiro, que em boas parcelas encontram-se violentadas, inclusive pela tensão existente entre elas e o currículo escolar. Este estudo foi feito a partir da literatura acadêmica disponível. Objetivou-se apontar algumas possibilidades de superação das relações conflituosas entre as juventudes e o currículo escolar geradoras de “violência curricular” (GIOVEDI, 2012). Iniciamos nossa pesquisa com uma revisão de literatura, feita a partir de critérios préestabelecidos. Selecionamos as publicações que melhor convergiam com o objetivo do trabalho. Buscou-se, também, realizar leituras de autores de referência, sobre o tema: Abramovay (2002, 2005, 2013, 2015); Arroyo (2013, 2014); Bauman (2005, 2013); Boff (2002); Carrano (2000); Charlot (2002); Dayrell (2003, 2007) Dayrell, Carrano e Maia (2014); Freire (2011); Giovedi (2012, 2013); Goodson (2007); Ponce (2009, 2018); Ponce e Neri (2015, 2017); Ponce e Araujo (2019); Gimeno Sacristán (2011, 2013, 2017); de modo a realizar as análises. Na vivência da violência curricular, a potencialidade juvenil perde sentido. Porém, nossa análise e reflexão visualizam na Justiça Curricular a possibilidade de uma mudança de paradigma para um possível fomento do acolhimento, do diálogo e da escuta das Juventudes
Abstract: In essence, youths have a potential for representations and perspectives that naturally transcends the everyday relationships experienced by most individuals. As it is marked by the diversity of conditions, identities, and relationships, youths are characterized beyond mere age typification’s or even by their role in the face of the expected social standards. The young way of being is unique, and it occurs through the manifestation of their worldviews. The youths are not limited to something socially conditioned but based on the possibilities that allow us to call them Youths. They are the base for this master’s Thesis analysis: urban youths aged 15 to 17 who attend the Brazilian public education system and often find themselves in conflict with the tension between the school curriculum and the individuals. Thus, out of the available academic literature, we aim to point out some possibilities for overcoming the conflicting relationships that generate curricular violence among youths (GIOVEDI, 2012). As a methodology, our research started with a literature review, in which were selected the publications that best converged on the pre-established criteria. Guiding the reflection through the reference authors: Abramovay (2002, 2005, 2013, 2015); Arroyo (2013, 2014); Bauman (2005, 2013); Boff (2002); Carrano (2000); Charlot (2002); Dayrell (2003, 2007) Dayrell, Carrano and Maia (2014); Freire (2011); Giovedi (2012, 2013); Goodson (2007); Ponce (2009, 2018); Ponce e Neri (2015, 2017); Ponce e Araujo (2019); Gimeno Sacristán (2011, 2013, 2017); In Curricular Violence that the youth potential loses significance and ends up becoming a void of meaning concerning learning and their school development. However, our analysis and reflection visualize that Curriculum Justice offers the possibility of a change of paradigm and mentality toward a possible stimulation and re-meaning of embracing, dialogue, and listening to the Youths
Palavras-chave: Currículos - Mudança
Jovens - Educação - Brasil
Justiça curricular
Curriculum change
Young adults - Education - Brazil
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO::CURRICULO
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da Instituição: PUC-SP
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Educação
metadata.dc.publisher.program: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Currículo
Citação: Carbogim, Rodrigo Lopes. As juventudes e o currículo escolar: maior acolhimento para melhor formação. 2021. Dissertação (Mestrado em Educação: Currículo) - Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Currículo da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2021.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/23863
Data do documento: 11-Ago-2021
Aparece nas coleções:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Currículo

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Rodrigo Lopes Carbogim.pdf1,67 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.