REPOSITORIO PUCSP Teses e Dissertações dos Programas de Pós-Graduação da PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em História
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/12897
Tipo: Dissertação
Título: Padres e pajés: o xamanismo tupinambá no encontro religioso colonial
Título(s) alternativo(s): Priests and pajés: tupinamba shamanism in colonial religious meeting
Autor(es): Ramos, Antonio Martins
Primeiro Orientador: Londoño, Fernando Torres
Resumo: Este trabalho consiste na pesquisa sobre o encontro cultural-religioso ocorrido entre xamanismo e catolicismo, com foco no Brasil, entre os séculos XVI e XVII, envolvendo mais diretamente missionários europeus, especialmente os jesuítas, e os xamãs tupinambás, conhecidos como pajés. Este encontro resultou numa rivalidade que, por grandes semelhanças nas relações de alteridade, esteve inserida num campo mais amplo, entre diversos grupos indígenas da América do Sul, como os guaranis, e outros europeus de diversas nacionalidades, ordens religiosas, e também leigos, como viajantes e cronistas, alcançando até os séculos seguintes. Através da leitura das fontes escritas europeias, podemos encontrar elementos descritivos do xamanismo tupi-guarani e também do ponto de vista da alteridade europeia, através de muitos pontos em comum entre os mais diversos relatos. Do ponto de vista europeu, identificamos a condenação dos pajés e sua associação com a feitiçaria, que embora desacreditando suas práticas, serviram-se delas para suas ações de catequese. Sobre o xamanismo tupinambá, os relatos dão conta de práticas diversas tais como, curas medicinais, rituais, ações dircursivas e gestual, e intermediação espiritual através de simbologias sagradas, como a do maracá, de modo que é possível traçar um perfil deste xamanismo . Para a metodologia de leitura destas fontes, partimos da hipótese que é possível se retirar informações relevantes, quando não da voz dos índios, ao menos da alteridade europeia e dos processos e fatos do encontro e da disputa. Trata-se não apenas de se aprofundar a história da catequese e do xamanismo, mas também dos elementos que constituíram as trocas culturais e as suas consequências
Abstract: This work consists of research on the cultural-religious meeting held between Shamanism and Catholicism, focusing on Brazil, between the sixteenth and seventeenth centuries, involving more directly European missionaries, especially the Jesuits, and Tupinambás shamans, known as pajés. This meeting resulted in a rivalry that, for large similarities in the relations of alterity, was inserted in a broader field, between different indigenous groups in South America, as the Guarani, and other Europeans of different nationalities, religious orders and lay people such as travelers and chroniclers, reaching up to the following centuries. By reading the European written sources, we can find descriptive elements of the Tupi-Guarani shamanism and also of the point of view of European alterity, through many commonalities among the various accounts. From the European point of view, we identify the condemnation of pajés and their association with witchcraft, that although discrediting their practices, they have served to them for their catechetical actions. About tupinambá shamanism, reports realize various practices such as medicinal cures, rituals, speeches and gestural actions, and spiritual intermediary through sacred symbols, such as the maraca, so it is possible to draw a profile of this shamanism. For the methodology of reading these sources, we start from the assumption that it is possible to withdraw relevant information, if not the voice of the Indians, at least the European alterity and processes and facts of meeting and dispute. This is not only to deepen the history of catechesis and of shamanism, but also the elements that constituted the cultural exchange and its consequences
Palavras-chave: Xamanismo
Alteridade
Pajé
Feitiçaria
Missionários, Hibridismo
Shamanism
Alterity
Witchcraft
Missionaries
Hybridism
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
Idioma: por
País: BR
Editor: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da Instituição: PUC-SP
metadata.dc.publisher.department: História
metadata.dc.publisher.program: Programa de Estudos Pós-Graduados em História
Citação: Ramos, Antonio Martins. Priests and pajés: tupinamba shamanism in colonial religious meeting. 2015. 190 f. Dissertação (Mestrado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2015.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12897
Data do documento: 18-Set-2015
Aparece nas coleções:Programa de Estudos Pós-Graduados em História

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Antonio Martins Ramos.pdf77,89 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.